Planeta Reggae

Current track

Title

Artist


CRYPTORASTAS CONHEÇA OS PRIMEIROS NFTs DA CENA REGGAE

Written by on 18 de maio de 2021

O assunto NFT tem dado o que falar, e sua rápida expansão é objeto da análise de especialistas ao redor do mundo. Pra resumir: NFT é uma forma de certificado Digital, que confirma que uma obra digital é original e exclusiva. Isso é feito com a tecnologia blockchain – a mesma usada para criar o bitcoin e outras cryptomoedas. A partir disso, artistas podem vender suas artes digitais (jpg, gif, vídeo, áudio, etc) e fãs podem colecionar, e também vender, investir e apoiar. 

 Dentre vários, o Cryptopunks é um dos projetos que mais chamam atenção. Lançados em 2017 e hoje avaliados em milhões de dólares, viraram uma espécie de subcultura dentro do mundo NFT, com diversos outros projetos inspirados neles – os chamados ‘Unofficial Punks’.

É desse universo que veio a inspiração para os Cryptorastas, projeto criado por Marcus MPC, fundador do sound system carioca Digitaldubs.

 “Comecei o Cryptorastas como um projeto piloto, para aprender na prática. Eu estava estudando a fundo o assunto, e meu plano inicial era lançar um NFT oficial do Digitaldubs. No entanto, antes de lançar esse projeto oficial, eu quis testar mais as plataformas e entender na prática”, explica Marcus MPC.

A menção ao reggae e à cultura jamaicana não é à toa. “Quando vi os Cryptopunks, logo pensei na ligação histórica do movimento punk com o movimento reggae na década de 1970, sobretudo na Inglaterra. Daí veio essa inspiração de criar a série. Pesquisei e vi que não tinha ninguém fazendo, não tinha nada sobre reggae com NFT, então criei”.

Reggae é a especialidade e paixão de MPC. Ele é fundador do Digitaldubs, principal referência na cultura sound system no Brasil. O primeiro sound system do Rio de Janeiro, desde 2001 vem fazendo bailes que pavimentaram a cena alternativa da cidade. O coletivo tem parcerias musicais com lendas como Lee Scratch Perry, Cedric Myton, Sugar Minott, Ranking Joe e Mad Professor e ícones da música brasileira como Gilberto Gil e Tom Zé.

Algumas personalidades famosas já se interessaram pelos CryptoRastas, como aconteceu com a cantora de rap americana Azealia Banks. “Ela quis comprar um Cryptorasta, mandou direct no Instagram, e compartilhou nossa arte no Instagram dela… Foi uma grande surpresa um projeto tão recente e ainda pequeno alcançar um nome como ela. Alguns artistas da cena reggae também têm entrado em contato para entender o que é o projeto, saber mais”.

“Comecei a série sem pretensão alguma, fui gostando do projeto, me divertindo enquanto criava cada personagem. Ao todo, a série terá 420 personagens, criados um a um, o que os tornam objetos raros e colecionáveis. Alguns são personagens fictícios, outros são inspirados em pessoas reais, tanto em personalidades da cena reggae quanto anônimos.”

Já foram lançados diversos personagens até agora, incluindo os CryptoRastas Oficiais em collabs com artistas como o cantor brasileiro Dada Yute e lendas vivas como Lee Scratch Perry, Cedric Myton (The Congos), Ranking Joe e mais.

Para MPC, um dos objetivos do trabalho com os Cryptorastas é aproximar a cena reggae do universo do NFT. “A plataforma NFT é uma porta que abre muitas possibilidades, e já tenho planejado desdobramentos multimídia para o futuro”.

Para conhecer o projeto, acesse: https://opensea.io/collection/cryptorastas420


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *